.

RESENHA: CORTE DE ESPINHOS E ROSAS

18 de setembro de 2018


Corte de Espinhos e Rosas
Autor: 
Sarah J. Maas
Editora:
 Galera Record
Páginas
: 431
Resenha escrita por:
 Leonardo Santos

Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de cinco séculos após a guerra que definiu o futuro das espécies, Feyre, filha de um casal de mercadores, é forçada a se tornar uma caçadora para ajudar a família. Após matar uma fada zoomórfica transformada em lobo, uma criatura bestial surge exigindo uma reparação. Arrastada para uma terra mágica e traiçoeira — que ela só conhecia através de lendas —, a jovem descobre que seu captor não é um animal, mas Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo onde a magia impera, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Enquanto isso, uma sinistra e antiga sombra avança sobre o mundo das fadas e Feyre deve provar seu amor para detê-la… ou Tamlin e seu povo estarão condenados.
Minha expectativa para ler um livro de Sarah J. Maas estava grande, isso por conta de todos as críticas positivas a respeito de suas obras (sendo Trono de Vidro uma das mais conhecidas), então vocês já podem imaginar o quanto eu fiquei feliz quando o box da série Corte de Espinhos e Rosas estava em promoção na Saraiva, comprei sem pensar duas vezes! Desde a compra estava ansioso para pegar firme na leitura, coisa que só consegui a alguns dias. Pouco conhecia sobre a história, portanto aí vai um rápido resumo (sem spoilers) para te contextualizar minha opinião sobre a obra. 

Em um mundo onde a raça humana foi escravizada por séculos pelos Feéricos (uma super raça que mescla traços élficos e bestiais), uma trégua foi estabelecida. Agora o planeta é dividido entre o território humano e feérico em um tratado delicado, onde nenhum deve interferir no território alheio. Nesse cenário, a história é narrada pelos olhos e sentidos de Feyre, uma humana que fica encarregada de sustentar a família através da caça após seu pai perder todas as vastas riquezas que um dia sua família possuíra. Nisso, caçando na floresta durante uma tarde, Feyre mata um feérico por acidente, ao confundir a criatura por um lobo. O que a protagonista não sabe é que ao matar a criatura, uma dívida de sangue foi criada.




Alguns dias depois, a casa da protagonista é invadida por uma criatura bestial que logo descobre ser um feérico que veio reivindicar a vida de Feyre, afinal, uma vida deverá ser compensada pela outra. A criatura, no entanto, não está interessada em matar a menina, e sim levá-la para o território feérico, onde lá deverá passar o resto de sua vida sem nunca voltar a se encontrar com a sua família. A garota se desespera ao cogitar tal ato, sendo que prometera para sua mãe em seu leito que morte que sempre cuidaria de seu pai (que agora vive em um estado de negação e depressão pela fortuna que perdeu) e suas irmãs (que também negam o estado financeiro em que vivem, tornando-se mesquinhas e inúteis). Entretanto, as opções são nuas, e assim parte com a criatura para um novo mundo.


Daí parte a verdadeira história de Corte de Espinhos e Rosas. Ao  descobrir o nome de seu sequestrador, Tamlin, a protagonista vai conhecendo aos poucos o mundo em que ouvira apenas lendas e relatos. Seu ódio pelos feéricos é perceptível, visto que todos os luxos e mansões que eles possuem são um contraste gigante com o mundo dos humanos, cuja miséria e fome prevalecem. Ali, na mansão de Tamlin, Feyre aos poucos começa a se apaixonar pela criatura, que carrega consigo e com a corte do qual é líder, uma maldição.

O enredo muito lembra A Bela e a Fera justamente por ter tantos elementos utilizados nos contos de fadas, porém não vá achando que a história contida nessas páginas relatam uma linda história de amor, pois você se enganar muito. Mesmo com os elementos de romance , o amor e o desejo por Tam descritos por Feyre são intensos e muito mais sexuais do que qualquer conto de fadas, posso dizer o mesmo com relação aos momentos mais sombrios, que são bem mais tensos do que os contidos em histórias infantis. Até porque na Corte Primaveril nem tudo é o que parece, é essa a ideia principal que tirei da escrita de Sarah J. Maas.


Um dos fatos que eu achei mais curioso durante a leitura foi a quantidade de personagens na história, que no caso são muito poucos (se eu não me engano, não passa de dez personagens fixos). Isso pode ser muito bom, pois dá oportunidade de evoluir os personagens ali presentes, mas nesse caso senti um certo cansaço durante alguns capítulos, já que a trama estava meio "congelada", já que nenhum personagem novo era introduzido e a situação dos personagens se alterava com lentidão, tudo muda conforma avançamos para o arco final, que possui um cenário diferente da mansão de Tam (tão explorada por capítulos e capítulos).

"Melhor morrer com a cabeça erguida a morrer como um verme, encolhida e covarde."
Outro fator importante da minha leitura foi a minha visão da relação entre Feyre e Tamlin, gosto de livros com um bom romance, entretanto esse me pareceu um tanto problemático já que por mais que Tamlin seja um gentil e atraente (palavras usadas pela protagonista), achei alguns trechos um tanto complicados já que a relação parece ser um tanto abusiva, ainda mais para uma personagem que é tão forte e independente. Sei que Sarah J. costuma trazer narrativas que desconstroem elementos patriarcais como a dama sempre em perigo ou a princesa esperando ser salva, portanto sei que tais momentos problemáticos terão uma explicação nos livros que virão (são três da trilogia principal e mais três de um spin-off).

No geral, Corte de Espinhos e Rosas é um livro bom com um potencial gigante para suas continuações. Não consigo falar mais sobre ele sem revelar algumas reviravoltas interessantes que o livro tem, especialmente em sua reta final, que faz valer o desenvolvimento um tanto parado. Um ponto do qual eu acho que poderia deixar o livro mais interessante seria utilizar mais da cultura do mundo feérico, pois aqui vemos muito pouco sobre a política das Cortes e as criaturas que habitam esse mundo tão fantástico. Mas pensando na obra como o primeiro de uma trilogia, Corte de Espinhos e Rosas faz um ótimo serviço em nos dar uma base e preparar o terreno para a história se desenvolver da forma mais criativa possível, com direitos a plot twists e revelações que podem alterar o rumo da vida de Feyre para sempre. Creio que Sarah J. esteja planejando nos dar um banho de água fria a qualquer momento, e o gancho deixado no final do livro me deixou animado o suficiente para ver onde essa história vai dar.
"Agradeça por seu coração humano, Feyre. Tenha piedade daqueles que não sentem nada."

56 comentários:

  1. AMEI! Eu amo essa trilogia <3 termine de ler os livros e faça o restante das resenhas, estou louca pra ler!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já estou devorando o segundo. Resenha em breve, prometo!
      Obrigado pela visita, Thais <3

      Excluir
  2. Já li várias resenhas sobre essa ser ue de livros, mas ainda não tive oportunidade de le-los. Gosto de romances, e mesmo que estes misturem um pouco de fantasia, acho que eu acabaria por gostar da leitura. Se posso comentar: tu escreves muito bem, excelente a tua resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Malu!
      Sim, se gosta de um romance acho que vai gostar bastante do primeiro, mas não garanto o segundo... haha

      Excluir
  3. É um dos meus livros favoritos... quando comecei ler, achei que não iria render, mas realmente, as reviravoltas que ele dá são maravilhosas.

    ResponderExcluir
  4. Sempre vejo críticas positivas a esse livro, certamente é um prato cheio para os admiradores do gênero fantasia. O enredo é bem eletrizante, cheio de aventuras. Parabéns pela resenha, está muito bem feita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente tudo isso que você disse, Patrícia! Muito obrigado pela visita

      Excluir
  5. Adorei essa dica de leitura, parece muito boa mesmo! Vou anotar aqui para procurar para mim, adoro ler e sempre estou à procura de novos livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anote sim, Melissa. Acho que você vai gostar!
      Obrigado pela visita.

      Excluir
  6. oi!
    Adoro livro cheio de aventura e que não para, não fica monótono. Eu fiquei com muita vontade de ler :D Gostei da resenha ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, o primeiro fica um pouco parado durante o desenvolvimento, mas o segundo é tiro atraz de tiro haha
      Obrigado pela visita. <3

      Excluir
  7. Olá,
    Adorei seu post, uma das colaboradoras do blog que participo também fez resenha desse livro, confesso que ainda nao me animei pra ler, mas vou tentar em leitura coletiva. Sua resenha ficou ótima, adorei as fotos.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, quando estava na metade do livro me desanimei um pouco, mas estou na leitura do segundo agora e tá tão bom que fico agradecido por não ter desistido

      Excluir
  8. Nao conhecia e fiquei bem interessada na trilogia.Gosto de fantasia na leitura e romance tbm.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então esse livro é um prato cheio, hein! Obrigado pela visita.

      Excluir
  9. Eu preciso ler essa trilogia urgente, só leio resenhas e críticas positivas, o que me aguça cada vez mais a minha curiosidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente é MUITO bom, o segundo então... Tô chocado ainda haha
      Obrigado pela visita.

      Excluir
  10. Não conheço a autora, mas por se tratar de um livro com temática de seres fantásticos, já sei que podemos esperar de tudo. O que acho ótimo nesse tipo de leitura.

    ResponderExcluir
  11. Uau! Acho que já vi algumas resenhas desse livro rsrs.
    Me pareceu ser muito bom, pela história que aborda, em breve vou ler.
    Amei a dica.
    https://blogdajenny2014.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Nossa, gostei bastante da resenha. O livro me pareceu ter elementos muito interessante, sobretudo por trazer elemento de contos de fadas numa recriação adulta, dentro do fantástico. Gostei também das considerações sobre os elementos que você gostou menos no livro...

    Ensaio Aberto | Teofilo Tostes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, Teofilo. Realmente é uma obra bem interessante justamente por suas referências, vale a pena conferir! (:

      Excluir
  13. menino, eu li esse livro mês passado e fiquei muito surpresa com ele!
    Achei a Feyre super empoderada e forte e toda a luta dela pra salvar o Tamlin, aprender a ler, passar pelos desafios da Amarantha, cara, sem mais comentários, eu amei demais. Tô lendo o segundo e tá muito bom!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os desafios de Amarantha são tenebrosos mesmo, e aquele último então!
      Estou lendo o segundo também, e de queixo caído haha

      Excluir
  14. Olá, tudo bem?

    Comecei a ler esse livro com muita expectativa, pois a fama que ele fez me deixou curiosa, mas confesso que me decepcionei. Mas da metade do livro li de forma arrastada. As cenas finais, são as melhores, depois que ela volta. Eu gostei do Tamlin, bem mais do que o queridinho do pessoal: Rhys. Mas, só li o primeiro livro e não sei se um dia lerei os próximos. Gostei da sua opinião, em alguns pontos concordo com sua visão!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Senti exatamente isso ao ler esse primeiro livro, viu. Mas sinceramente, o segundo está excelente! E até que "explica" o porquê do primeiro livro ser mais arrastado e com tão poucos personagens. Super vale a pena a leitura.

      Excluir
  15. Esse livro é bem sem graça perto do segundo... Rs... Devo iniciar o terceiro essa semana, estou super ansiosa! Amo muito tudo o que a Sarah escreve e essa série é minha queridinha! Espero que ame quando terminar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou na metade do segundo mas já super concordo com você, viu? hahaha
      Obrigado pela visita.

      Excluir
  16. Pode, tudo bem?
    Por incrível que pareça estou lendo esse livro é estou amandoooo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espere então quando chegar no segundo, aposto que vai amar muito mais haha

      Excluir
  17. Olha, comecei a ler dai fiquei com o pé atrás mas você me convenceu de que devo ler esse livro. Vou procurar. Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também fiquei com o pé atrás, mas estou lendo o segundo e tô muito feliz por não ter largado! Obrigado pela visita.

      Excluir
  18. Olá!

    Confesso que não sou muito fã de livros com essa temática, são poucos os que eu começo a ler e gosto. Prefiro os filmes assim rs
    Mas parece ser um enredo que prende o leitor do início ao fim. Vi algumas resenhas sobre ele e todas são positivas. Deve ser muito bom mesmo!! Quem sabe um dia eu arrisque ler, né?

    Grande beijo,
    Letícia Franca | Além de 50 Tons
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É interessante porque o livro tem várias camadas, o segundo então nem se fale... Mas procure ler sim, é muito bom! Obrigado pela visita.

      Excluir
  19. Olá
    Tenho muita vontade de conhecer a autora, e sou apaixonada pelas cortes feericas, já li muito a respeito, mas eu tenho um certo problema com triângulos amorosos, e já vi em diversas resenhas que essa série tem Um, então acabo ficando com um pé atrás

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas nesse o triângulo amoroso quase não existe, viu. Não posso dizer o porquê sem soltar um spoiler, mas fica a dica haha

      Excluir
  20. Ameeeei!! Continue assim. Vou procurar pra ler porque me chamou muita atenção. Resenhe mais que você já ganhou meu coraçãozinho.

    ResponderExcluir
  21. Olá, tive o privilegio de comprar esse livro a pouco tempo, e ainda não consegui ler! mas achei sua resenha sobre ele muito legal! Confesso que estou ansiosa para começar a ler.Volto aqui para contar o que achei :)

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Parabéns pela resenha! Não conhecia este livro, a história parece ser ótima, amo reviravoltas, fiquei curiosa para saber o desfecho.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Reviravolta com certeza é um elemento que tem pra dar e vender nessa série, pode ler tranquila (ou não) haha
      Obrigado pela visita.

      Excluir
  23. Adoro histórias com essa pegada de fantástico rs e pelo que vc contou realmente lembra A bela e a fera. Confesso que fiquei bem curiosa para ler o livro principalmente depois que vc falou das reviravoltas no final :) E vamos combinar que a capa está linda e tbm conta pontos positivos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o trabalho que a Record fez pras capas é incrível. Espero que goste!

      Excluir
  24. Oi
    adorei a história desse livro me deixou mega curiosa para ler mais sobre o livro,história assim quem não gosta né verdade,ainda com reviravoltas muito bom,ótima resenha.

    ResponderExcluir
  25. Oi Leonardo!!
    Inicialmente eu não me interessei por essa trilogia, mas a cada nova resenha que leio, eu fico me perguntando porque ainda não li. Eu amo histórias que de alguma forma trazem elementos de A Bela e a Fera por ser minha história infantil preferida.
    Ótima resenha e com certeza estou cada vez mais na expectativa de ler essa história.
    Bjs
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No começo eu não havia me interessado muito também não, viu. Mas vale tanto a pena, estou achando incrível!
      Estou lendo o terceiro já hahaha

      Excluir
  26. Olá, tudo bem Leonardo?

    Eu acho essas capas maravilhosas, a Galera Record realmente capricha e está de parabéns. Tenho muita vontade de ler esse livro e a série, espero algum dia poder realizar essas leituras. Parabéns pela resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo ótimo!
      Eu realmente espero que você consiga ler essa série, porque ela é incrível. Devorei o segundo livro e já estou a caminho do terceiro!

      Excluir
  27. Oi Leonardo, tudo bem?
    Todos comentam que o segundo livro é mil vezes melhor do que o segundo. Eu me interessei por essa trilogia justo por fazer referência a Bela e a Fera, história que amo, mas não sabia a forma como foi explorado o relacionamento deles. Até o fim do ano inicio essa trilogia. Sua resenha ficou ótima, espero ver sua impressão da continuação.
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cila, tudo bem e contigo?
      Realmente o segundo livro dá de 10 a 0 nesse, acabei hoje e já lancei resenha aqui no blog, mas garanto. VOCÊ ESTÁ COMPLETAMENTE CERTA! hahaha

      Excluir
  28. Que capa mais linda!!!, eu já ouvi falar desse livro em alguma resenha e já tinha me apaixonado por ele, eu cheguei a procurar mas não encontrei mas vou tentar novamente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tente sim, tem em vários sites agora que a série se popularizou mais.

      Excluir



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: CHERRY - INOCÊNCIA PERDIDA

PROJETO "LENDO CLÁSSICOS"

SIGA NO INSTAGRAM

Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels