.

RESENHA: MEDICINA MACABRA

13 de abril de 2020




MEDICINA MACABRA
Autor(a): Thomas Morris
Editora: DarkSide Books

Páginas: 432
Ano de publicação: 2020
Compre através deste link.

Ainda que superstições e tradições folclóricas tenham influenciado a Medicina por um bom tempo, o passado também revela a existência de médicos capazes de encontrar soluções e aplicar tratamentos bem sofisticados. A Medicina mudou dramaticamente, passou por uma transformação que fez de sua arte uma ciência. Enquanto pesquisava para escrever seu primeiro livro, o escritor Thomas Morris fez uma descoberta um tanto quanto… curiosa: entre dissertações cheias de linguagem técnica e textos desafiadoramente longos, pérolas divertidas e grotescas sobre casos bizarros estavam escondidas. Muitos destes relatos eram bons demais para serem esquecidos na literatura médica, e ele decidiu fazer uma seleção irresistivelmente peculiar. Da Holanda do século XVII até a Rússia czarista, da zona rural do Canadá até um baleeiro no Pacífico, Medicina Macabra é uma reunião de casos insólitos da história da Medicina que ocorreram em um período de trezentos anos. Alguns desses relatos são angustiantes ou comoventes, outros são macabros, mas todos oferecem algo mais além do que uma boa anedota. Por mais constrangedoras que sejam as enfermidades, por mais estranhos que sejam os tratamentos, todos esses casos expressam algo sobre as crenças e a sabedoria de uma época. Uma família inteira sofrendo de dores e que decidiu amputar as pernas para acabar com o sofrimento. Uma paciente com ataques histéricos que recitava Goethe e Shakespeare. Qual foi a última vez que um de seus dentes explodiu? E quando você comeu uma alface fresca e dois dias depois lesmas saíram pela sua boca? Medicina Macabra traz relatórios de casos verídicos, escritos por médicos que relataram aquilo que viram e fizeram, obtidos a partir de livros, panfletos, cartas e bilhetes. Remédios irremediáveis, curas extraordinárias, cirurgias que tinham tudo para dar errado, casos insólitos e lamentáveis embaraços: está tudo aqui. Medicina Macabra é feito sob medida para os darksiders de estômago forte, narrado com aquela injeção de humor que não poderia faltar. 

Fala galera do Porão Literário, como vocês estão? Minha resenha de hoje é de um livro um tanto quanto peculiar... Medicina Macabra é o lançamento do selo da DarkSide intitulado Macabra! Eles já lançaram três títulos diferentes e você pode conferir todos eles neste link! Mas enfim, vamos ao livro em questão, certo? 






Mais estranho que a ficção, este seria um bom modo de definir Medicina Macabra. O livro traz consigo diversos casos da medicina entre o século XVII e XIX que eram publicados em revistas científicas da época. Alguns dos casos mais macabros, curiosos e engraçados foram catalogados pelo historiador Thomas Morris (que assina a autoria do livro) e lançados pela caveirinha. 


Bom, digo que este livro e mais estranho que a ficção porque, ao começarmos a leitura dos casos mirabolantes da medicina dos séculos anteriores, existem certos casos que nos deixam tão chocados que pensamos de imediato que aquilo foi inventado!
Como por exemplo o caso de um marinheiro que em uma aposta de bar, engoliu mais de TRINTA, sim meu caro leitor, TRINTA canivetes. O mais engraçado (não sei se engraçado é a palavra certa) foi que o corajoso (ou tolo) marinheiro conseguiu expelir alguns dos canivetes, no entanto, vários ficaram em seu estômago por anos! Até, obviamente, ele sofrer de péssimas dores de estômago e acabar indo a óbito. No final foram retirados cerca de trinta e cinco canivetes de seu estômago. GENTEEEE! 

Fala sério, lendo isso parece ficção, mas de fato aconteceu! A pesquisa de Thomas Morris é bem apurada e vai além do fator do absurdo. É interessante avaliar através de tais relatos  como a produção científica da medicina era feita, muitos casos possuíam "tratamentos" cruéis até pra aquela época. 

O livro é dividido em sete "incisões", capítulos que trazem diferentes tipos de relatos: desde casos absurdos (como o citado acima), como cirurgias macabras (um dos meus preferidos), e perigos escondidos. 

Mas que perigos escondidos eram esses? Isso foi o que mais me intrigou a respeito do capítulo, muitos médicos e especialistas não sabiam como certas doenças surgiam ou se manifestavam em um indivíduo, então muito atribuíam a doença ao senso comum, alguns até diziam que não fumar poderia trazer algum risco a saúde! 

Mas vamos pro meu capítulo preferido! HAHAHA! Cirurgias macabras com certeza foi minha parte preferida, isso porque é simplesmente fascinante ver como elas eram realizadas a duzentos anos atrás. Só pelo fato de não existir anestesia vocês já conseguem imaginar como elas poderiam ser dolorosas, certo? Além disso a ideia de bactéria não era nem cogitada, por isso muito dos lugares onde as cirurgias eram feitas beiravam a imundice. Muitas vezes as pessoas tinham mais medo de ir ao hospital do que sofrer com os efeitos do que elas estavam sentindo. 

Enfim galera, no geral minha experiência de leitura com Medicina Macabra foi como uma incisão com a melhor anestesia; crua, direta ao ponto e prazerosa! 

2 comentários:

  1. Quero o livro. A medicina dessa época era bizarra mesmo, mas honestamente eles tinham que testar as coisas para ver se funcionava e tals.
    Você chegou assistir a série Freud? A série tem umas questões bem bizarras de medicina também.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Leo!
    Minha gente, eu preciso ler tudo isso!! Como assim mais de 30 canivetes? hahah eu to muito chocada com isso. A resenha me cativou a ponto de querer esse livro na minha estante para já.
    Abraços!

    ResponderExcluir



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

CLIQUE E PARTICIPE!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: NOVO MUNDO EM CHAMAS

parcerias

PROJETO "LENDO CLÁSSICOS"

SIGA NO INSTAGRAM

Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels