.

RESENHA: O REI SAZONAL - O CORAÇÃO DAS CARTAS

22 de fevereiro de 2021



O REI SAZONAL: O CORAÇÃO DAS CARTAS

Autor(a): Guilherme Ferreira e Thalles Cavalcanti
Editora: Independente.

Páginas: 233
Ano de publicação: 2020
Compre através deste link.

Mil anos se passaram desde a queda de Hator, O Rei de Copas. O Reino Coração foi abandonado atrás de altos muros para ser esquecido. No presente, Bastardo, o Alto Comandante do Bosque Profundo – maior covil dos cinco reinos – se vê entre a dura escolha de cumprir um desafio mortal ou perder todo o frágil poder que possui. Razão que o leva a desencadear, acidentalmente, uma jornada em direção ao seu próprio destino. Numa jornada que testará todos os seus limites, que mudará a vida de todos ao seu redor e que transformará todo o mundo conhecido, inclusive o seu coração.


Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro O Rei Sazonal: Coração de Copas, lançado de forma independente. O livro é de autoria de Guilherme Ferreita e Thalles Cavalcanti.  



Há mais de mil anos atrás, ocorria o tradicional Festival de Copas, evento que reunia os líderes dos cinco reinos daquela terra fantástica para celebrar a véspera da aurora de um novo ano. Tal ocasião ocorria no majestoso palácio do Rei de Copas e em toda a Cidade Coração, além disso era uma das únicas vezes em que os cinco reis se encontravam durante o ano. 

Nesse festival, no entanto, algo trágico toma palco do que deveria ser uma festa: Em um ato vil, os quatro reis convidados: Hator, o rei de copas, foi envenenado. Seu coração de cristal foi partido em quatro partes com o ato de traição. Cada rei se apropriou de uma das partes e a cidade de Coração foi esquecida. A história virou uma lenda distorcida. Mil anos se passaram. 


Conhecemos então KNUT, conhecido como Bastardo por seu povo. Bastardo é líder de uma sociedade de ladrões que habitam no Bosque Profundo, conhecidos como filhos da Floresta Negra, o grupo vive em cavernas subterrâneas da cidade Coração, além de serem vistos com preconceito e ódio pelos cidadãos dos quatro reinos. 

Bastardo, no entanto, é um jovem de apenas 17 anos que veste a manta de líder dos Corvos (um grupo criado para manter a ordem entre os ladrões). E, depois de aceitar um desafio e saquear o quase inacessível castelo abandonado do antigo rei Hator. O rapaz aceita o desafio para manter sua dignidade como comandante, e ao conseguir acesso ao enorme edifício graças a ajuda de uma figura mística (um orixá). O Bastardo conhece um homem sem memória que passa a chamar de Lumi, uma pessoa que mudará o destino de todos daquela terra. 

Revelar mais sobre essa incrível história seria um crime! Te deixo para descobrir mais a respeito desse universo fantástico criado por Guilherme Ferreita e Thalles Cavalcanti! Conforme minha leitura do primeiro volume da (futura) série O rei sazonal evoluía, cada vez mais eu me apaixonava pelos personagens e pelo enredo do livro. 

Isso porque é bem fácil gostar dessa história, com fortes referências a cultura e religião africana, personagens representativos, com protagonismo LGBTQIA+ e uma história cheia de aventuras... Bom, fica fácil mergulhar. 


A figura dos Orixás são responsáveis por trazer muito do misticismo desse mundo, achei incrível a forma como eles são introduzidos na história (logo no começo já temos a aparição de um, que é responsável por um diálogo incrível com o nosso protagonista). Gostei muito desse fator e espero que ele seja ampliado nos próximos livros!

Além disso, acredito que a questão estrutural desse primeiro volume seja o que mais me tenha agradado, em suas 230 páginas nós temos um equilíbrio narrativo muito bem estruturado, o que deixa a narrativa bem fluída! 

Enquanto no primeiro ato nós temos a introdução dos personagens e do sistema daquele mundo (apresentando informações importantes sobre os Corvos e toda a sociedade daquele continente); no segundo passamos a conhecer melhor o protagonista e alguns outros personagens (como o Lumi e a Freya); já no terceiro ato temos uma série de capítulos com doses de ação para dar aquela acelerada no ritmo. 


Essa estrutura é muito boa! O que eu senti falta foi um aumento crescente da tensão para o acontecimento final do primeiro livro. O desfecho é muito bom - e te deixa bem animado para o segundo volume! - Todavia, senti falta daquela tensão que vai se criando e que quando você se depara com as últimas páginas fica pensando "como isso vai se resolver?". 

Eu acredito que os autores não foram por esse caminho por ser um livro introdutório ao universo criado (até mesmo a figura do antagonista não é muito marcada nesse primeiro volume). E espero que nos próximos livros esse aspecto seja mais explorado!

No geral, a leitura de O rei sazonal: O coração das cartas me surpreendeu e me conquistou muito! Acredito que a série tenha muito potencial para crescer com seus personagens e mitologia nos próximos volumes! Resta-nos esperar!

4 comentários:

  1. Realmente uma história com muito potencial e uma premissa bem interessante

    ResponderExcluir
  2. Leo!
    Nossa! Tantos acontecimentos, mitologias, personagens... fiquei até zonza, mas como falou, é um livro inicial e serve pra nos mostrar as personagens e seus papéis no enredo. Parece interessante!
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  3. Gostei de conhecer um pouco mais sobre o livro. Isso de trazer assuntos tão importantes e representatividade, é algo que vem ganhando espaço em todos os gêneros e isso é maravilhoso!
    Por ser somente o primeiro livro, é como começar com chave de ouro, já pedindo que o desenvolver seja mais ágil.
    Ah, a idade de Bastardo me chamou a atenção. Sinal de amadurecimento? rs (esperamos)
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  4. Muito boa sua resenha... já estou tentando imaginar os personagens! Não leio muitos livros que fazem parte de série, mas, esse eu daria uma chance.

    @yasmindeciles

    ResponderExcluir



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: A ASSOMBRAÇÃO DA CASA DA COLINA

PROJETO "LENDO CLÁSSICOS"

SIGA NO INSTAGRAM

Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels