13 de janeiro de 2023

RESENHA: QUEIMANDO LIVROS

 

 


QUEIMANDO LIVROS
Autor(a): Richard Ovenden
Editora: Globo Livros

Páginas: 344
Ano de publicação: 2022
Compre através deste link.

A partir do momento em que a informação passou a ser apresentada de forma escrita, nações, governantes e corporações tentam controlá-la e destruí-la. Preocupado com esse fenômeno que nunca foi tão presente quanto nos nossos dias, o mais renomado biblioteconomista da atualidade, Richard Ovenden, percorre mais de três mil anos em seu livro, desde as tábuas de argila mesopotâmicas até a era digital, para explicar os perigos aos quais o conhecimento e a liberdade de ideias estão expostos.Queimando livros conta como bibliotecas e arquivos têm sido alvos de ataques desde o início da história da humanidade, com um foco especial nas ameaças presentes nos dias de hoje. O conhecimento considerado perigoso foi deliberadamente aniquilado por motivos políticos, financeiros, religiosos e culturais e, agora, mais do que nunca, sua sobrevivência é vital para a continuidade de nossa civilização.

 

Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro Queimando livros lançado pela editora Globo Livros. O livro é de autoria de Richard Ovenden a resenha foi escrita por Leonardo Santos. 


Desde o início da catalogação do conhecimento, seja em papiros ou nas próprias paredes, o conhecimento foi uma poderosa arma. E bem, como toda vantagem, existem aqueles que querem sua aniquilação. Ao ler "queimando livros", percebi o quanto é essencial entender como funciona o sistema de destruição a informação, seja através dos livros ou das mensagens que eles passam. 

Enfim, a história do livro percorre milhares de anos e, em "Queimando livros", o autor e historiador faz um apanhado da história do livro desde suas origens centenas de anos antes da era Cristã! Parece loucura pensar que a escrita era compartilhava através de placas de argila com símbolos dos quais fogem completamente do nosso alfabeto latino! 

A escrita de Richard é precisa e muito bem estruturada, tornando esse livro um apanhado muito interessante e relevante da história dos livros no mundo antigo e sua influência no mundo contemporâneo! O que eu mais gostei da escrita do autor é a forma como ele contextualiza informações da antiguidade no nosso mundo atual, fazendo referências daquilo que adotamos e deixamos de associar com o modo como os escritos eram compartilhados antigamente!  

Além disso, o ponto primordial do livro é a forma como esse conhecimento costumava ser aniquilado por incêndios e outros métodos de destruição, no entanto temos também uma equipe que preza muito pela preservação desses documentos e se utiliza de aparatos tecnológicos para mantê-los e restaurá-los!

Por fim, a leitura é muito útil pelo seu aspecto histórico. Gostei muito de me envolver nesses diversos cenários e na forma como eles dialogam com os dias de hoje! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leonardo Santos



Olá leitories! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 28 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Guarulhos cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

Equipe do Porão

.

Caixa de Busca

Instagram

Destaque

TRÊS MOTIVOS PARA LER "EM BUSCA DO REINO"

Olá pessoal do Porão Literário! Hoje vou compartilhar com vocês três motivos para ler Em busca do reino, de Reyves L.B. 

Arquivos

LITERATURA E MÚSICA

LITERATURA E MÚSICA

Posts Populares

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Receba as novidades

Tecnologia do Blogger.

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!