9 de março de 2024

RESENHA: CONTINUE A NADAR

 



Organizadores:  Luana Januário 
Editora: Viseu
Páginas: 334
Ano de publicação: 2023
Compre através deste link.

Continue a nadar é a história de uma mulher que se entrega aos prazeres do amor e que descobre a ansiedade em meio à pandemia e a um término de relacionamento. Nesse romance autobiográfico, a autora fala sobre medos, dores, evolução e cura; sobre a importância de conexões de afeto e autossuperação. Ela retrata de modo real como o amor atravessa a vida das pessoas de formas tão singulares.

 

Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro Continue a nadar lançado pela Viseu. O livro é de autoria de Luana Januário e a resenha foi escrita por Leonardo Santos.  

"Sobre os tipos de amor, o autoamor é o que mais tive que aprender a trabalhar." 


Em uma escrita autobiográfica e corajosa, Luana Januário nos leva a um oceano de sentimentos e experiências das quais passou nos últimos anos; abordando relacionamentos complicados, crises de ansiedade durante a pandemia e os diferentes tipos de amor dos quais vivenciou e anseia. 


Ler os relatos de uma pessoa a respeito de tantos sentimentos é muito interessante, isso porque a autora aborda aqui questões universais das quais todos nós passamos ou passaremos em algum momento de nossa vida. Ver tais acontecimentos através de seu ponto de vista literário se tornou uma experiência marcante para mim, e acredito que poderá ser para você também. 


Através de uma escrita leve, mas que ao mesmo tempo não tem medo de ser crua a dolorida, Januário consegue tecer sensações tão intangíveis em pura poesia, só que no formato de prosa. O primeiro capítulo já começa falando sobre o período de ápice da COVID e como isso fez com que suas ansiedades fossem às alturas — facilmente relacionável, certo? 

Além disso, o término de um relacionamento e todos os momentos dos quais a narradora passou ao lado de sua namorada pesam em seu âmago, e é sobre isso que ela discorre diversas de suas páginas; mas o mais interessante é que Luana não se atém unicamente ao amor romântico, e sim oferece todo o espectro que um sentimento tão abrangente pode conter. 


O livro é curto, mas sua profundidade realmente se assemelha ao oceano. Em menos de 200 páginas a autora consegue trazer um panorama de sua vida, sua jornada através dos mares (em um capítulo chamado "cruzando o oceano, literalmente"), e muito mais. Realmente foi uma leitura muito proveitosa de fazer e que com certeza tirei algo dela. 

As metáforas para a complexidade do oceano não poderiam ser mais certeiras: às vezes calmo, às vezes brutal... viver não é fácil, mas pode ser muito proveitoso e divertido, tal qual a leitura desse livro.


"... eu cresci sempre acreditando muito no amor, pois sempre fui muito rodeada por todas as suas outras formas, não só a de "amor romântico": o amor que cuida, o amor que doa, o amor ao próximo e ao desconhecido, o amor à música, amor ao riso, amor aos animais e às plantinhas."



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leonardo Santos



Olá leitories! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 28 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Guarulhos cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

Equipe do Porão

.

Caixa de Busca

Instagram

Destaque

TRÊS MOTIVOS PARA LER "EM BUSCA DO REINO"

Olá pessoal do Porão Literário! Hoje vou compartilhar com vocês três motivos para ler Em busca do reino, de Reyves L.B. 

Arquivos

LITERATURA E MÚSICA

LITERATURA E MÚSICA

Posts Populares

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Receba as novidades

Tecnologia do Blogger.

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!