.

RESENHA: A GRANDE CAÇADA - A RODA DO TEMPO #02

17 de julho de 2019


A Grande Caçada
Autor: Robert Jordan

Editora:
 Intrínseca 
Páginas
: 704 páginas
Resenha escrita por:
 Leonardo Santos 

A Roda do Tempo gira, e Eras vêm e vão, deixando memórias que se transformam em lendas. Há séculos os menestréis narram a Grande Caçada à Trombeta de Valere, que muitos pensavam não passar de uma história, e agora foi encontrada. Ela seria usada para convocar heróis mortos de seus túmulos para lutar contra o Tenebroso, mas alguém a roubou. 
Rand al’Thor, Mat Cauthon e Perrin Aybara juntam-se aos soldados shienarianos, dispostos a sacrificar a própria vida para recuperar o artefato. No entanto, há algo que Rand teme ainda mais do que as forças do Tenebroso: a mácula de saidin. Rand sabe que está condenado à loucura e à morte e se pergunta se conseguirá ajudar seus amigos antes que isso aconteça ou se será ele próprio o responsável por destruí-los.


Fala galera do Porão Literário! Tudo certo? Pra quem não sabe estou lendo a série Roda do Tempo, que é considerada uma das maiores séries de fantasia dos últimos anos, dado como "filho" de Tolkien, Robert Jordan desenvolveu um mundo gigante e complexo! Essa resenha é do segundo livro da série (que contém 14 livros no total, sendo que seis já foram traduzidos pela editora Intrínseca), sendo a resenha do primeiro livro, O Olho do Mundo, você pode conferir aqui! A resenha a seguir não conta com spoilers do segundo volume, mas com certeza vai ter spoilers do primeiro livro. Enfim, vamos com a sinopse!
Após a jornada de Rand al' Thor e seu grupo de amigos, finalmente a comitiva chega a Fal Dara, que inicialmente não tinha o local como destino depois dos planos de irem para Tar Valon serem frustrados após a descoberta do perigo eminente do Olho do Mundo. Neste cenário, cada personagem sofre com seus próprios medos e limitações, seja a de Rand por carregar o Dragão (e com ele todo seu potencial destrutivo), como Mat e sua adaga amaldiçoada. Egwene e Nynaeve começam sua jornada em direção a Tar Valon para dar início ao treinamento como Aes Sedai. 
Entre tanta expectativa, conhecemos a lendo da Trombeta de Valere, um artefato com o poder de convocar heróis mortos para lutar contra o Tenebroso, mas a Trombeta foi roubada! E com isso, uma comitiva formada por soldados shienarianos e pelos garotos de Dois Rios, que terá como objetivo realizar a Grande Caçada a Trombeta de Valere.
Vamos lá! Pra começar eu gostei muito do primeiro livro, O Olho do Mundo, apesar das críticas apontadas na minha resenha. Posso dizer com propriedade de Robert Jordan superou muito das minhas críticas apontadas em seu segundo livro! A Grande Caçada explora muito mais toda a mitologia previamente apresentada no primeiro livro e nos dá muito mais aprofundamento, seja nos personagens tratados ou na trama em si. 
Um dos pontos que ajudam a explorar melhor os personagens é o compartilhamento do ponto de vista no decorrer dos capítulos, mesmo o Rand tendo o protagonismo em sua jornada para não enlouquecer, capítulos narrados do ponto de vista de outros personagens enriquecem muito mais todo o mundo construído. Como por exemplo os capítulos narrados por Egwene e Nynaeve e o treinamento em que elas estão passando, para mim esses são os melhores capítulos do livro justamente por desenvolver muito bem todo o arco da Aes Sedai.
Entre tudo isso, outro ponto que ficou em segundo plano no primeiro livro foi a política dos reinos, como eles funcionam e interagem entre si, Robert exemplifica muito bem isso na trama da de Cairhien onde é desenvolvido um Jogo das Casas. Esse conceito dos jogos coloca em evidência toda a politicagem que cerca esses reinos de uma forma que é capaz de entendermos mais as motivações dos personagens envolvidos. 
No geral, a narrativa flui muito mais por vários dos elementos que eu coloquei acima, sendo a diversificação do ponto de vista ou os diversos acontecimentos rolando ao mesmo tempo, tudo isso da ao livro uma evolução mais rápida da narrativa e as páginas vão sendo consumidas muito mais rápidas por conta desses fatores e mesmo tendo quase setecentas páginas o livro parece ter bem menos, ao contrário do primeiro volume.
Confesso que estou muito ansioso pelo terceiro livro da saga, justamente pelo final bem enigmático que encerrou alguns arcos e deixou outros em abertos! Fiquem atentos que em breve terá uma resenha de O Dragão Renascido, terceiro volume da saga! 

13 comentários:

  1. Livros de continuidade sempre prendem nossa atenção. Acabo lendo todos bem rápido, naquela ansiedade de partir logo para o próximo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou viciado nessa série, mal posso esperar pra ler o terceiro.

      Excluir
  2. Adoro este tipo de livro, que cria novos mundos em uma realidade fantástica, mas desde GOT estou traumatizada, não quero ler nada que não esteja com todos os volumes disponíveis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série já está finalizada nos EUA, pelo menos com isso podemos ficar tranquilos

      Excluir
  3. Olá!

    É muito bom quando terminamos um livro e ficamos com aquele gostinho de quero mais para ler o próximo.
    Já li comentários positivos a respeito desse autor e de seus livros, mas infelizmente é uma série muito grande para eu encarar no momento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu entendo, é algo que precisa se organizar pra ler, mas como vale a pena!

      Excluir
  4. Olha, você aguçou a minha vontade de ler esse livro. Não conhecia e foi uma grata surpresa vir aqui hoje.

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia esse livro, achei bem interessante a premissa dele, gostei. Vou procurar o primeiro pra ler, eu gosto dessa coisa de criar todo um mundo e tal. Adorei a dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado, se ler me fale o que achou depois

      Excluir
  6. Que calhamaço que você leu hein? Essa história parece ser surpreendente, confesso que fiquei bem interessado na obra.

    ResponderExcluir
  7. Acredito que este livro deve nos deixar uma linda mensagem.
    Amei a composição da capa em si, muito lindo.
    https://blogdajenny2014.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Eu fico muito antenada quando vejo essas dicas de séries. Principalmente séries que já foram finalizadas "lá fora".
    Eu adoro calhamaços e gosto muito de histórias onde podemos nos acostumar com personagens recorrentes ao longo de um tempo.
    Super me interessei!!!
    Abraços

    Carol, do Coisas de Mineira

    ResponderExcluir



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: SEMPRE EM FRENTE (SIMON SNOW #1)

PROJETO "LENDO CLÁSSICOS"

SIGA NO INSTAGRAM

Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels