.

RESENHA: EM FOGO ALTO

12 de março de 2022

 


EM FOGO ALTO
Editora: Nacional
Páginas: 288
Ano de publicação: 2021
Compre através deste link.

Aos 17 anos, no último ano escolar, Emoni Santiago não sabe bem o que fazer depois que se formar. Com uma filha bebê para criar, acredita que sua vida não tenha muito espaço para sonhos. Por isso, Emoni segue uma rotina com regras rígidas, fazendo o que quer que precise ser feito pelo bem de sua abuela e de Nenezinha. A cozinha é o único lugar em que Emoni se permite ser livre. Em suas receitas, ela coloca um toque especial de seus sentimentos, e quem prova seus pratos garante que são mágicos. Quando sua escola passa a oferecer aulas de culinária, Emoni se vê balançada quanto aos planos para o futuro. E, embora saiba que não vale a pena perder tempo perseguindo o impossível, ela se rende à cozinha e entende que sua única escolha é deixar o talento fluir.




Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro Em fogo alto lançado pela editora Nacional. O livro é de autoria de Elizabeth Acevedo  e a resenha foi escrita por Leonardo Santos


Emoni está prestes a se formar no ensino médio, e como boa parte das pessoas dessa idade, enfrenta muitas incertezas com relação ao seu futuro. Entre algumas coisas da qual Emoni ama fazer, cuidar de sua pequena filha de dois anos (da qual chama carinhosamente de Nenezinha) e passar um tempo com sua abuela, Glória, estão no topo da lista. E ah, cozinhar. 

Emoni, entre tudo, ama cozinhar. E parece ter um talento nato para tal, além de passar horas estudando sobre a arte da culinária, e, acima de tudo, testando novos sabores e pratos através de sua curiosidade extremamente aguçada, a garota parece seguir uma trilha que pode dar em uma carreira brilhante (mesmo que não saiba disso no momento). 

Mesmo com uma rotina regrada, já que além de estudar a menina precisa cuidar de sua família e ajudar nas finanças de casa, Emoni fica sabendo que sua escola começa uma oficina de culinária, e com ela a jovem latina começa a ampliar seus horizontes. Como se não fosse o suficiente, um novo rapaz entra na escola e desperta o interesse de Emoni.

Bom, essa é a minha segunda leitura de um livro da Elizabeth Acevedo, li "Agora que ele se foi" faz pouco tempo e gostei muito da leitura, por mais que ela tenha sido bem diferente das outras que já fiz. No "Em fogo alto" a narrativa é em prosa, e Acevedo trabalha com diversos elementos importantes em sua história. 

Eu estou amando ler essas histórias em que a autora consegue trabalhar diversos temas importantes em sua narrativade uma forma leve, que não tire a fluidez do texto. Emoni é uma jovem mãe latina em uma sociedade que não oferece nenhum suporte para ela, mas mesmo assim Emoni luta para que seus sonhos se tornem reais e ao mesmo tempo denuncia como o sistema é injusto com aqueles que precisam dele. 

Já a magia do livro está na forma como a culinária é tratada, confesso que terminei a leitura com água na boca e muito entusiasmado de conhecer mais o mundo da gastronomia. Tudo nesse livro é mágico e se encaixa muito bem, logo, nem preciso dizer que amei essa leitura! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: ESTADO ELÉTRICO

SIGA NO INSTAGRAM

PORÃO NO YOUTUBE!







Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels