.

RESENHA: A FILHA DO GUARDIÃO DO FOGO

26 de setembro de 2022

 


A FILHÃO DO GUARDIÃO DO FOGO 
Autor(a): Angeline Boulley
Editora: Intrínseca

Páginas: 432
Ano de publicação: 2022
Compre através deste link.

Daunis Fontaine vive em dois mundos, mas se sente uma estranha em ambos. Aos dezoito anos, a jovem se vê eternamente dividida entre a família da mãe ― branca e conservadora ― e a do pai, indígenas da reserva Ojibwe de Sugar Island, no Michigan. Ela sonha com a nova vida que vai levar ao se mudar para cursar a faculdade, bem longe dos boatos sobre sua origem, mas uma tragédia a obriga a adiar seus planos. Quando Jamie, um lindo e talentoso jogador de hóquei, chega à cidade, a jovem sente que a monotonia dos seus dias está prestes a acabar. Porém, ao testemunhar um assassinato perturbador na reserva, ela se dá conta de que há algo errado ― com Jamie, seus amigos e sua comunidade. De uma hora para outra, Daunis se vê envolvida em uma investigação do FBI sobre uma nova droga que tem feito cada vez mais vítimas. Receosa, ela aceita trabalhar como informante, usando seus conhecimentos de química e da medicina tradicional Ojibwe. Mas a busca pela verdade se mostra mais perigosa e dolorosa do que ela imaginava, trazendo à tona segredos e abrindo feridas ainda não cicatrizadas.

 

Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro A filha do guardião do fogo lançado pela Intrínseca. O livro é de autoria de Angeline Bouley e a resenha foi escrita por Leonardo Santos. 

Daunis Fontaine sabe muito bem o que é viver em uma dualidade de identidades. Isso porque, aos dezoito anos, a menina ainda se vê dividida entre a família de sua mãe, composta majoritariamente por pessoas brancas de origem conservadora; e a de seu pai, indígenas de uma reserva chamada Ojibwe.  

Seu principal desejo é poder se mudar daquele local e, finalmente, constituir uma identidade para si própria, sem viver a margem dos mandamentos de seus pais, tudo parece aspirar a seu favor quando Daunis conhece um rapaz novo da cidade, Jamie. 

Daunis logo fica atraída por Jamie, todavia, um acontecimento terrível protagoniza o início da nossa história em "A filha do guardião do fogo", Daunis testemunha um assassinato. Logo, a menina se vê no meio de toda a investigação e acaba tendo que trabalhar como informante.

Conforme uma nova droga - potente e de efeitos terríveis - se espalha na cidade como uma doença, Daunis se vê em uma investigação que poderá custar a sua vida.

Dentre as diversas camadas que esse livro possuí, acredito que eu tenha gostado mais da crítica implícita que sua história carrega a respeito do preconceito e do descaso com diversas sociedades indígenas. Nós vemos exemplo disso no nosso governo atual de 2022, onde casos de violência, apropriação de terra e genocídio são cometidas como se fosse normal... Bem,  Angeline Boulley coloca isso em sua narrativa de forma poderosa. 

Digo "diversas camadas" pois além do thriller investigativo que o livro se propõe com a história, a narrativa também passa por toda a complexidade da identidade da protagonista e os dramas familiares que acarretam disso. Além de colocar o personagem Jamie como provável interesse amoroso de Daunis. 

Por sorte, a autora tem uma maestria em evocar todos esse tópicos sem perder o fio condutor da história, por isso "A filha do guardião do fogo" corre bem em suas quatrocentas páginas e não se torna uma leitura cansativa ou entediante.

Uma das minhas únicas ressalvas é com relação ao que acontece no final do livro, tem uma cena em específica que eu não gostei muito, principalmente por conta das consequências (ou falta delas) que ela gera. Não foi o suficiente para estragar a minha leitura, mas acho importante ressaltá-la aqui! 

Por fim, espero que vocês leiam e curtam o livro, lembrando que tem alguns gatilhos que devem ser consultados pelos leitores e leitoras mais sensíveis as temáticas aqui retratadas!


Nenhum comentário:

Postar um comentário



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: LOVECRAFT - POE

SIGA NO INSTAGRAM

PORÃO NO YOUTUBE!







Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels