9 de março de 2024

TRÊS MOTIVOS PARA LER "MESMO QUE EU ENTREGASSE O CORPO ÀS CHAMAS"



Olá pessoal do Porão Literário! Hoje vou compartilhar com vocês três motivos para ler a antologia poética Mesmo que eu entregasse o corpo às chamas, de Alexandre Semedo de Oliveira. 

Um passo mal dado... e uma vida que se desfaz depois dele! Essa é uma tragédia humana das mais antigas, que tem se repedido desde sempre na experiência de um sem número de pessoas, e, em cada uma dessas repetições, sempre com nuances próprias. Em Mesmo que entregasse o corpo às chamas, a protagonista Maria Lúcia vive, ao seu modo, o drama daqueles que cometem um erro tolo e desencadeiam uma série de consequências sobre as quais não têm controle algum e que acabam por moldar o seu destino, destruindo tudo o que se tinha como importante: a fé, a família, a boa imagem de si mesma. Mas, ao final de tudo, ela descobre que, por mais desnorteantes que sejam as consequências de seus erros, a vida sempre oferece a possibilidade de uma redenção final que, ainda que não apague todas as dores, abre espaço para um recomeço.

 

Vamos ao post, mas antes: Compre o livro clicando aqui

1. Personagens que marcam a leitura

A história gira em torno de Maria Lúcia, uma protagonista que enfrenta as consequências de suas escolhas nos turbulentos anos 90. Seu envolvimento com Leandro, um famoso escritor faz com que Maria comece uma espiral que vai apenas para baixo. Além da protagonista, temos outros personagens tão complexos e bem estruturados que a experiência de acompanhá-los se torna um dos pontos altos da história. 

2. Conversa com o próprio fazer literário

O livro não se limita a uma única trama; ele nos leva para os bastidores do fazer literário. Os diálogos entre Marcelo, marido de Maria a escritor frustrado, com e Leandro oferecem uma espiada fascinante no processo de criação, adicionando uma camada extra de significado à história. Se você ama literatura, vai se encantar com essas reflexões intrincadas. 

3. Ótimas referências

Alexandre Semedo de Oliveira tece a trama como uma verdadeira tragédia inspirada no Mito de Pandora. Maria enfrenta desafios, culpa e pressões, mas a esperança persiste. A maneira como o autor equilibra os elementos sombrios com a luz da esperança cria uma experiência leitura é impressionante, e funciona muito bem na construção de todo o romance. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leonardo Santos



Olá leitories! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 28 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Guarulhos cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

Equipe do Porão

.

Caixa de Busca

Instagram

Destaque

TRÊS MOTIVOS PARA LER "EM BUSCA DO REINO"

Olá pessoal do Porão Literário! Hoje vou compartilhar com vocês três motivos para ler Em busca do reino, de Reyves L.B. 

Arquivos

LITERATURA E MÚSICA

LITERATURA E MÚSICA

Posts Populares

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Receba as novidades

Tecnologia do Blogger.

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!