7 de junho de 2024

RESENHA: ESTRELA DA MANHÃ

 




Organizadores: Karl Ove Knausgård
Editora: Companhia das Letras 
Páginas: 656
Ano de publicação: 2024
Compre através deste link.

Arne está de férias com a esposa e os filhos no sul da Noruega, enquanto Kathrine, uma pastora da igreja norueguesa, está voltando para casa após um seminário bíblico, questionando o próprio casamento. Turid, enfermeira de um hospital psiquiátrico, enfrenta o plantão da noite quando um de seus pacientes foge, enquanto Jostein, um jornalista ressentido em busca de uma grande matéria, afoga as mágoas no bar.Estes são apenas quatro dos nove personagens destrinchados por Karl Ove Knausgård em Estrela da manhã , uma narrativa vertiginosa sobre a perspectiva súbita da finitude humana. Um romance em suspenso, que retoma as características mais notáveis do autor da série Minha Luta: a observação arguta dos pormenores do cotidiano, a reflexão atenta das relações familiares e uma provocação sofisticada sobre nossa própria existência no mundo.

 

Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro Estrela da Manhã lançado pela Cia das Letras. O livro é de autoria de Karl Ove Knausgård e a resenha foi escrita por Leonardo Santos.  

Dois de agosto tinha tudo para ser mais um dia de rotina na vida de Arne, Kathrine, Emil, Iselin, Solveig, Jostein, Turid e Egil; isso se não fosse pela enorme estrela vermelha que apareceu no céu norueguês, e é durante esse tempo de um dia que grande parte da história se passa, conforme acompanhamos as vivências e experiências desses personagens. 

Arne está em férias tumultuadas com sua família no sul da Noruega, enquanto Kathrine, uma pastora, é frequentemente abordada por um estranho que a faz questionar seu casamento e suas crenças religiosas. Emil, após o ensaio de sua banda, comete um erro que o persegue durante a noite. Iselin,  passa a se perguntar a respeito de seus relacionamentos. 

Solveig, uma enfermeira dedicada, se preocupa com seus pacientes e suas famílias, levando-nos a refletir sobre a vida e a morte. Jostein, um jornalista desiludido, critica severamente artistas enquanto sua vida pessoal e profissional é um caos. Turid, esposa de Jostein, é cuidadora em um asilo, e sua vida se complica quando ela se descuida. Egil, um homem complexo que toca em assuntos ainda mais complexos em sua narrativa. 

Ok, esse foi meu primeiro contato com a escrita do autor norueguês que ficou bem famoso no campo literário por sua série autobiográfica "Minha Luta" e, sinceramente, não sei se esse foi o livro ideal para começar a assimilar a escrita do autor. 

Estrela da Manhã é fluído, por mais que seja um livro grande, com aproximadamente 650 páginas, a escrita do autor não é densa ou muito complicada, mas isso não quer dizer que a obra seja superficial: muito pelo contrário. 

Knausgård fala sobre uma gama tão ampla de assuntos que seria impossível descrevê-los aqui, mas a peça chave para entender todos esses personagens é: Todos passam por uma determinada crise existencial e o reflexo disso pode ser maximizado por conta da esfera fantástica que toma conta do céu: a estrela da manhã. 

Não consegui criar pontes com a obra, no entanto, por conta de seu suposto "marasmo", sei que a rotina dos personagens é elemento fundamental para entendermos um pouco mais sobre suas motivações e pensamentos mais abstratos, mas talvez a falta de um clímax mais intenso tenha me afastado da leitura (que sim, demorei muito para fazer e mal cheguei a concluí-la).

Por fim, talvez apenas não estivesse no momento para ler esse calhamaço, provavelmente tentarei finalizá-lo depois, quando estiver no clima para esse tipo de leitura!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leonardo Santos



Olá leitories! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 28 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Guarulhos cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

Equipe do Porão

.

Caixa de Busca

Instagram

Destaque

TRÊS MOTIVOS PARA LER "OS SETE CÉUS"

Olá pessoal do Porão Literário! Hoje vou compartilhar com vocês três motivos para ler  Os sete céus: O chorar dos anjos, livro 1, de Viniciu...

Arquivos

LITERATURA E MÚSICA

LITERATURA E MÚSICA

Posts Populares

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Receba as novidades

Tecnologia do Blogger.

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!