15 de abril de 2023

RESENHA: O SEGREDO DO REI

 


O SEGREDO DO REI
Autor(a): Douglas Portelinha
Editora: Grupo Editorial Atlântico

Páginas:  407
Ano de publicação: 2023
Compre através deste link.

Um livro, Mundus Novus, usado como propaganda de novas terras e outro livro, A Suma Oriental, que indicava portos, cidades e especiarias é guardado em segredo deestado é protegido por uma embaixatriz, uma mulher implacável que comanda umaagência de espiões, que tem a seus serviços um cavaleiro templário que não medeesforços para não deixar o livro cair em mãos inimigas.Um corsário e um Reiambicioso que não aceita ser coadjuvante nos acontecimentos globais, estão juntospara ter este precioso livro a qualquer custo.Nesta trama internacional uma filha deAmérico Vespúcio é agente dupla, Fernão de Magalhães é resgatado vivo de Mactan,um robô de Leonardo da Vinci deixa os participantes de uma reuniãoimpressionados.Batalhas Navais no Rio da Prata, no Mar Mediterrâneo e no OceanoÍndico colocam o corsário e o templário em armas e lutas defendendo seus ideais esuas bandeiras.

Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro O segredo do rei lançado pela editora Grupo Editorial Atlântico. O livro é de autoria de Douglas Portelinha e a resenha foi escrita por Leonardo Santos. 


Pra início de conversa, "O segredo do rei" já começa em com uma narrativa repleta de ação em um campo de batalha naval! Aqui nós conhecemos o capitão Miguel Dias, um homem que está em uma batalha contra a Nau Francesa em um ambiente completamente caótico! 

O ano é 1520 e estamos no Mar Doce, após um ataque que por pouco leva sua vida, o espião Miguel acorda em um porto completamente desorientado, afinal seu navio foi naufragado e quando Miguel consegue retomar a consciência, sua primeira ação é voltar até a agência de espionagem da qual faz parte.


Quem controla essa agência é uma mulher extremamente inteligente e ardilosa chamada Yohanna, da qual lhe passa uma missão extremamente importante: a de compartilhar as descobertas e façanhas de Américo Vespúcio para o mundo através de suas cartas. Para compartilhar esse conhecimento, no entanto, muitas forças irão surgir contra Miguel e toda a organização da qual ele faz parte. 

Bom, pra início de conversa esse é o meu segundo contato com a escrita de Douglas Portelinha, a minha leitura anterior dele foi do livro "53S76O: Draco Cola, A Cauda do Dragão", e um dos pontos mais altos da minha leitura foi a conjectura de referências históricas presentes na história. 


Em "O segredo do rei", Portelinha trabalha com os mesmos elementos do primeiro livro e amplia ainda mais o seu universo, criando uma história com vários momentos de grande tensão e muito combate. Isso porque logo nas primeiras páginas já estamos em uma guerra naval de grandes proporções, achei uma ideia genial começar o livro já no ápice da batalha, pois vemos como o autor consegue desenvolver de forma exímia cenas de guerra. 

Além das cenas de ação, a espionagem é um forte elemento de "O segredo do rei", até porque grande parte de toda a história se passa em uma intriga política que vai ganhando proporções gigantes.


Eu gostei muito de acompanhar essa história e amei todos os elementos históricos que ela resguarda, mal posso esperar para ler outro livro do autor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leonardo Santos



Olá leitories! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 28 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Guarulhos cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

Equipe do Porão

.

Caixa de Busca

Instagram

Destaque

TRÊS MOTIVOS PARA LER "OS SETE CÉUS"

Olá pessoal do Porão Literário! Hoje vou compartilhar com vocês três motivos para ler  Os sete céus: O chorar dos anjos, livro 1, de Viniciu...

Arquivos

LITERATURA E MÚSICA

LITERATURA E MÚSICA

Posts Populares

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Receba as novidades

Tecnologia do Blogger.

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!