.

RESENHA: O HERDEIRO DO REI

30 de janeiro de 2021

O HERDEIRO DO REI
Autor(a): LeandroVSilva
Editora: Independente

Páginas: 204
Ano de publicação: 2018
Compre através deste link.

O ano é 2023 e Lando mora desde que nasceu na casa onde trabalham seu avô e seus pais, a mansão da família Rikarggan. Já no final da adolescência e também servindo à família, Lando está passando por indecisões e conflitos entre manter a tradição familiar, continuando sendo empregado da casa ou estudar para o que gosta e ir viver sua própria história. Mas continuar na casa está ficando cada dia mais difícil e sua relação com os dois filhos dos patrões não poderia ser mais complexa: está apaixonado por Abigail, de quem está proibido de se aproximar e é odiado por Max, que faz de tudo para que ele e sua família sejam expulsos. Em um desses momentos de grande tensão um empregado muito antigo da mansão mostra a Lando um objeto fincado em uma pedra e lhe faz um desafio.


Fala galera do Porão Literário, tudo certo? Hoje minha resenha é do livro O Herdeiro do Rei, lançado de forma independente. O livro é de autoria de LeandroVSilva.



Lando sempre teve orgulho de ver o quanto sua família é trabalhadora, o garoto junto com seus pais e avós moram na luxuosa mansão da família Rikarggan, onde trabalham para manter a casa em ordem. De férias escolares, o rapaz planeja continuar ajudando seus pais com as tarefas.


Mas, assim como outros garotos de sua idade, o menino procura diversão e talvez até romance. Abgail é a filha mais nova do casal Rikarggan e sua relação com Lando é bem afetuosa, entretanto é muito mal vista por toda a família proprietária, que pede que o rapaz fique longe dela. Após um conflito, a permanência da família de Lando na casa está em risco, junto com o trabalho de todos ali.



Mas o que acontece a seguir é ainda mais chocante: Lando é chamado por Sr. Jorge para visitar uma sala da mansão que até então ninguém tinha acesso, naquela sala escura um objeto chama a atenção de Lando imediatamente: uma espada cravada na pedra… Excalibur. 


Lando conhece a lenda, e ao tocar na espada sua consciência é jogada em um fluxo do espaço-tempo, Lando volta a era medieval em um período pós morte de Rei Arthur. Nesse novo mundo Lando tem uma nova identidade, todos o chamam de Landerran, inclusive seu “pai”, Tristan. Mas Lando não conhece nenhum deles, afinal, o que pode ter acontecido? 



Bom gente, esse é o segundo volume da série Enerkry do autor LeandroVSilva e olha… que viagem mais doida! Ao acabar o primeiro livro jamais poderia imaginar que uma trama como essa iria suceder (ou anteceder?) a história de Romeo e Roger. 


Mas justamente por sair da minha zona de conforto, acabei extremamente interessado em saber como a história de Lando iria se conectar com aquela que conhecemos no primeiro livro! Em “O Herdeiro do Rei” nós temos uma ampliação da mitologia estabelecida pelo autor no primeiro livro, além disso temos algumas explicações bem interessantes a respeito do artefato místico que foi pouco explorado no primeiro volume. 


Ademais, essa continuação é bem mais épica do que a primeira, até por conta da ambientação medieval do qual boa parte do livro se passa, eu simplesmente amo livros nessa temática e o autor não nos decepciona em oferecer um épico do gênero em uma incrível releitura da lenda de Rei Arthur. 


A conexão entre as histórias existe, no entanto é necessário que você chegue até o final do enredo para compreender! Sem contar que no último capítulo uma personagem bem interessante é introduzida, agora é só esperar para ver os próximos desdobramentos!

 

6 comentários:

  1. Eu adorei, nunca tinha visto uma releitura de Rei Arthur. Muito legal, o período medieval é muito bacana , tem basbante mistério e aventuras né, adoro histórias que se passam nesse tempo da história . E essa obra maravilhosa é nacional ainda . Adorei

    ResponderExcluir
  2. Nossa literatura brasileira é rica demais e olha isso de trazer a lenda da espada de Excalibur(agora eu escrevi certo rs)
    Mesmo sem ter lido o primeiro livro, já percebi que este segundo é no mesmo nível ou até com mais ação que o primeiro!
    Com certeza, quero ter a oportunidade de ler ambos!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  3. Acho incrível quando o segundo livro de uma série consegue ser tão envolvente, instigante quanto o primeiro

    ResponderExcluir
  4. Amo muito a história do Rei Arthur e só de saber que tem uma pitada dessa história nesse livro, já fiquei bem curiosa para conhecer mais desse livro! Arrasou na resenha migo!

    Beijos da Steh!

    IG: @PAPEANDOSTEH

    ResponderExcluir
  5. Releitura bem diferente e nacional, ou seja, já gostei! Sua resenha tá maravilhosa e as fotos lindas

    ResponderExcluir



Olá leitores e leitoras! Meu nome é Leonardo Santos, tenho 24 anos, sou de São Paulo mas atualmente estou em Minas Gerais cursando Letras! Minha paixão pela leitura começou desde muito cedo, e é um prazer compartilhar minhas leituras e experiência com vocês!

.

Caixa de Busca

Conheça a equipe do Porão!

CLIQUE E PARTICIPE!

SIGA O PORÃO LITERÁRIO!

POST DO DIA

RESENHA: A JOIA REAL

parcerias

PROJETO "LENDO CLÁSSICOS"

SIGA NO INSTAGRAM

Categorias

ÚLTIMAS LISTAS LITERÁRIAS

Facebook

Arquivos

Leitura coletiva PJO

LITERATURA E MÚSICA

Tecnologia do Blogger.

HQ'S e Graphic Novels